Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

M(ã)emórias da Maria Mocha

Blogue pessoal que aborda o universo feminino, maternidade, adolescência, resiliência, luta e superação do cancro, partilha de vivências, vida familiar e profissional... e alguma reflexão com humor à mistura.

M(ã)emórias da Maria Mocha

Blogue pessoal que aborda o universo feminino, maternidade, adolescência, resiliência, luta e superação do cancro, partilha de vivências, vida familiar e profissional... e alguma reflexão com humor à mistura.

Sou só eu?

Sou só eu que, quando estou ocupada (que, a bem dizer, entre o trabalho e a casa, é quase sempre!), me lembro de temas engraçados ou interessantes para abordar aqui e digo para mim própria "logo tenho que escrever sobre isto" ou "quando puder tenho que dar a minha perspetiva sobre aquilo" ou "esta situação é hilariante, tenho que partilhar" e depois, quando posso, não me consigo lembrar do que é que se tratava? Sou só eu? 

 

Garanto que se eu me conseguisse lembrar de todos os pensamentos malucos que me passam pela cabeça ao longo do dia e todas as sensações e vivências, este blog seria muito mais apelativo! Assim, paciência! Só posso pedir que desculpem qualquer coisinha e vão aturando a minha mediocridade. Comigo é assim: fica só a promessa do que poderia ser (se me lembrasse, se tivesse mais tempo, se se se...). Como aquele jogador da bola que passou ao lado de uma grande carreira... assim sou eu. 

 

Esta abordagem hoje porquê? Porque é que haveria de ser? Porque tenho estado para aqui a dar voltas à cabeça para me lembrar de qualquer coisa que me ocorreu explorar aqui e não consigo lembrar-me. É aflitivo! Tenho mesmo que obrigar-me a trazer sempre comigo um moleskine para apontar tudo. Está visto que só mesmo assim! 

 

Entretanto, conheço-me muito bem e sei que vou continuar obsessivamente a tentar lembrar-me do raio do assunto. Não me sai da cabeça! Que consumição! Ai ai... Acho que já estou a precisar de férias outra vez...  

Bem vistas as coisas, continuo a preferir o verão!

Estamos quase em outubro e parece que estamos no verão. Já tinha dito que eu gosto é do verão? Pois, é do verão que eu mais gosto.

 

Gosto das férias.

(Mas sinto sempre que não espremo delas todo o sumo.)

Gosto de sol e calor. 

(Mas também gosto de fugir deles e procurar as sombras.)

Gosto das noites de verão e de estar deitada na cama com o M. ao lado, a sentir a brisa a entrar por uma janela aberta.

(Mas não gosto das moscas, melgas e mosquitos e afins.)

Gosto de pouca roupa e dos pés ao léu.

(Mas sinto falta dos meus lenços e das botas de inverno.)

Gosto de processar vitamina D com fartura para os meus ossinhos e articulações andarem nos "trinques".

(Mas o calor em excesso deixa-me prostrada, sem ação.)

Gosto que o meu cérebro produza serotonina em abundância para eu andar feliz e contente.

(Mas também sou tão feliz no Natal!)

Gosto dos sonos tranquilos, da melatonina e da ausência das ralações do trabalho.

(Mas levo o trabalho sempre comigo.)

Gosto do relaxamento e da inércia dos dias de ócio.

(Mas tenho bichos carpinteiros e não consigo estar parada muito tempo.)

Gosto da liberdade dos dias longos e de ter tempo.

(Mas os dias não me dão tempo suficiente para gozar dessa liberdade.)

Gosto do efeito que o sol e o calor têm sobre a líbido. 

(Mas também gosto do conforto e aconchego de uma conchinha nas noites frias de inverno.)

 

Sim... bem vistas as coisas, continuo a preferir o verão. 

 

Só sei dizer que, se o outono continuar a oferecer-nos as condições meteorológicas dos últimos dias, candidata-se a passar a ser uma das minhas estações preferidas. E não está fora de questão ainda dar um saltinho à praia este ano... Essa é que é essa! 

Está à porta o fim-de-semana. Quem sabe?... 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

DIREITOS DE AUTOR (Decreto-Lei n.º 63/85 com as posteriores alterações)

Maria Mocha é o pseudónimo de uma mulher que, de vez em quando, gosta de deixar os pensamentos fluir pela escrita, uma escrita despretensiosa, mas plena dos sentimentos e emoções com que enfrenta a vida. Assim, as criações intelectuais da Maria Mocha publicadas (textos, fotos) têm direitos de autor que a mesma quer ver respeitados e protegidos. Eventuais créditos de textos ou fotos de outros autores serão mencionados. Aos leitores da Maria Mocha um apelo: leiam, reflitam sobre o que leram, comentem, mas não utilizem indevidamente conteúdos deste blog sem autorização prévia da autora. Obrigada.

Calendário

Setembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens