Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

M(ã)emórias da Maria Mocha

Blogue pessoal que aborda o universo feminino, maternidade, adolescência, resiliência, luta e superação do cancro, partilha de vivências, vida familiar e profissional... e alguma reflexão com humor à mistura.

M(ã)emórias da Maria Mocha

Blogue pessoal que aborda o universo feminino, maternidade, adolescência, resiliência, luta e superação do cancro, partilha de vivências, vida familiar e profissional... e alguma reflexão com humor à mistura.

Eu, o M e o exercício físico

 

19341716_ZACJr.jpeg

(Sim, esta foto dos meus pés já foi aqui utilizada. É que não é fácil apanhá-los (aos pés, entenda-se) nestes preparos...

Mas ninguém diria, já que as sapatilhas estão um bocadito para o sujo... A sério que já as lavei depois desta foto. 

 

Eu e o M, ciclicamente, fazemos caminhadas ao ar livre ao final do dia, resistindo ao impulso de ocupar as raras horas de ócio que temos no conforto do lar, a horizontalizar. Normalmente, isso acontece pela primavera e outono, quando o tempo está mais ameno, que é o mesmo que dizer, suportável e mais convidativo para dois "couch potatoes" como nós. Não bastasse não sermos grandes adeptos de exercício físico, ainda termos que enfrentar as adversidades atmosféricas? Caminhar à chuva, com um frio de rachar ou com um calor abrasador é para masoquistas! E nós, quanto a "defeitos", só somos um bocadinho para o gordito, masoquistas não.

 

Nunca gostei de fazer desporto. Quanto ao M, o único que o atrai é o futebol. Ele costuma dizer que correr, só com uma bola nos pés. Eu, nem nos pés nem nas mãos. Lembro-me que, na minha juventude, uma professora de Educação Física, insistiu comigo até à exaustão para eu entrar na equipa de basquetebol da escola (ou seria voleibol?) e eu resisti sempre. Ou seja, pelos vistos eu até tinha alguma habilidade para o desporto, mas comigo a preguiça sempre falou mais alto.

 

Para terem uma ideia da minha/nossa relação com o exercício físico, rotativamente, tem que ser um de nós a motivar o outro para iniciar a época das caminhadas. Quando digo motivar, entenda-se literalmente ARRASTAR! À vez, ora eu ora ele, arrastamos o outro para suar um bocadinho (Não se percam! Continuo a falar de caminhadas, atenção! Connosco, não são todas as atividades a dois e propiciadoras de uma boa suadela, que provocam esta resistência. Ok? ). 

 

Ora, há uns meses (no início do outono) o M, quando passávamos de carro na zona onde habitualmente fazemos as nossas caminhadas, antes de jantar, tentou então retomar o cumprimento das suas funções em regime de rotatividade, lembrando da necessidade de voltarmos à rotina das caminhadas. Mas o meu ouvido seletivo, aliado fiel do meu cérebro matreiro, ouviu de acordo com aquilo que queria ouvir. À frase:

 

"Quando é que começamos a caminhar?"

 

Respondi:

 

"Podemos ir ao restaurante X!"

 

Ou seja, ouvi:

 

"Onde é que vamos jantar?"

 

Perfeitamente explicado! Tem tudo a ver! Ao nível da fonética, então, as duas frases são praticamente a mesma coisa. Daí a confusão...  Quanto a caminhadas, só respondi à pergunta que o M me fez, esta semana. Qualquer dia falo disso. 

 

E, pronto, este pequeno diálogo de surdos dá mais ou menos uma ideia de qual é a minha relação com o exercício físico. Como facilmente se depreende deste episódio, e pelo que já me conhecem, a minha relação com a comida é uma outra história, bem diferente desta...  

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

DIREITOS DE AUTOR (Decreto-Lei n.º 63/85 com as posteriores alterações)

Maria Mocha é o pseudónimo de uma mulher que, de vez em quando, gosta de deixar os pensamentos fluir pela escrita, uma escrita despretensiosa, mas plena dos sentimentos e emoções com que enfrenta a vida. Assim, as criações intelectuais da Maria Mocha publicadas (textos, fotos) têm direitos de autor que a mesma quer ver respeitados e protegidos. Eventuais créditos de textos ou fotos de outros autores serão mencionados. Aos leitores da Maria Mocha um apelo: leiam, reflitam sobre o que leram, comentem, mas não utilizem indevidamente conteúdos deste blog sem autorização prévia da autora. Obrigada.

Calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens