Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

M(ã)emórias da Maria Mocha

Blogue pessoal que aborda o universo feminino, maternidade, adolescência, resiliência, luta e superação do cancro, partilha de vivências, vida familiar e profissional... e alguma reflexão com humor à mistura.

M(ã)emórias da Maria Mocha

Blogue pessoal que aborda o universo feminino, maternidade, adolescência, resiliência, luta e superação do cancro, partilha de vivências, vida familiar e profissional... e alguma reflexão com humor à mistura.

Percebem o que eu queria dizer?

mw-1920 (1).jpg

 

Amal e George Clooney vão ser pais de gémeos

 

É este o título da notícia em vários órgãos de comunicação social. 

 

Deixem-me começar por fazer a pergunta que se impõe, que é retórica porque eu percebi que todos perceberam e não estou à espera de resposta, mas fica bem dizer assim. 

 

Percebem agora o que queria dizer no post sobre a gravidez da Beyoncé e a evidente recorrência de casos de gravidezes de gémeos entre os famosos? Hã? Hã? Quem sabe, quem é?

 

Pois é. Nunca duvidem da pertinência, oportunidade e propriedade das minhas teorias, meus amigos!

 

Mas, para quem achou disparatada a minha teoria (acho que ninguém achou isso, mas por via das dúvidas...), cá está mais um caso "suspeito" de gravidez gemelar! E eu repito e volto a lançar a discussão:

 

Anda tudo quanto nada em dinheiro e vive debaixo de holofotes a fazer fertilização medicamente assistida? É isso?

 

Neste caso em apreço, acredito que sim e talvez até seja mesmo por insucesso nos processos naturais. Convenhamos! A mulher não come! É só pele e osso. Olhem práquilo! Como é que aquele corpo desnutrido conseguiria conceber uma criança naturalmente?

 

Gostava de entender as razões de tantos casos e o alcance desta prática. Hoje até vou mais longe. Será que já há elites que têm acesso a avanços científicos ao nível da manipulação do genoma humano que permitem que mão humana interfira na "criação" do ser humano de acordo com os requisitos e preferências dos pais endinheirados? Esta questão que deixo no ar poderá parecer alucinada à primeira vista, mas já não digo nada... Uma coisa parece-me certa: o número de filhos por gravidez aparentemente já não é arbitrária em alguns meios, meios esses onde me parece que já não é permitido que seja a natureza a decidir.

 

 

Como eu comento as notícias do momento

1486042691233.jpg

(Fonte: http://emais.estadao.com.br/noticias/gente,beyonce-divulga-ensaio-fotografico-gravida,70001650486#galeria-30040)

 

 

Não é defeito! É feitio. Tenho quase sempre um olhar estranho sobre as notícias. Fixo-me em aspetos aos quais ninguém dá importância. 

 

Vejam o caso da gravidez da Beyoncé. É claro que reparei na parolice da sessão fotográfica do anúncio da gravidez, como todos. Mas não me fixei nisso. O que me fez desde logo confusão é o facto de ser mais uma figura pública a anunciar ir ter gémeos. Nunca repararam que há imensas estrelas de cinema e música com gravidezes de gémeos? Pergunto-me se todas farão fertilização medicamente assistida. Sendo a ocorrência de gémeos rara e verificando-se tantos casos nos "socialite", das duas uma: ou andam as figuras públicas a pagar para ter filhos (talvez não apreciem o método convencional ou quem sabe querem mesmo ter gémeos porque é "in" ou para despachar logo dois filhos de uma vez ou para escolherem o sexo dos bebés, será?), ou começo a acreditar em coincidências. 

 

 

 

A matemática do sexo.

 

Quem nunca se entusiasmou no "Momento M"? (Se temos "Hora H", "Dia D", devemos ter "Momento M", né?) Onde é que eu quero chegar? Pessoa que usufrui em pleno da sua sexualidade, para o bem e para o mal, em determinados momentos deixa a racionalidade de parte, certo? Pois...

 

Agora imaginem a seguinte conjugação de fatores:

 

  • Casal naturalmente entusiasmado no tal "Momento M";
  • Mulher que não pode usar contracetivo oral por questões hormonais;
  • Casal que não gosta de latex a mediar o contacto das carnes e as trocas de fluídos;
  • Mulher que tem tanta facilidade em engravidar, que quase basta o cheiro;

                                                     

  • Vómitos de manhãzinha provocados por um ataque de tosse.

                                                      =

Esta pergunta:

  • "Estás a vomitar por causa da tosse, não é?"

 

Só vos digo: medo, muito meeedoooo! Muuahahahaha!!!

 

15590592_1328528990512258_2222405738481831393_n.jp

(Fonte: https://www.facebook.com/rudecrudeandsu/?pnref=stor)

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

DIREITOS DE AUTOR (Decreto-Lei n.º 63/85 com as posteriores alterações)

Maria Mocha é o pseudónimo de uma mulher que, de vez em quando, gosta de deixar os pensamentos fluir pela escrita, uma escrita despretensiosa, mas plena dos sentimentos e emoções com que enfrenta a vida. Assim, as criações intelectuais da Maria Mocha publicadas (textos, fotos) têm direitos de autor que a mesma quer ver respeitados e protegidos. Eventuais créditos de textos ou fotos de outros autores serão mencionados. Aos leitores da Maria Mocha um apelo: leiam, reflitam sobre o que leram, comentem, mas não utilizem indevidamente conteúdos deste blog sem autorização prévia da autora. Obrigada.

Calendário

Agosto 2020

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens